Faça as contas antes de pagar IPTU e IPVA

por Cláudia Santos

https://goo.gl/mSdLof

Fevereiro chega com as inevitáveis despesas com o imóvel e o veículo. Os carnês ou boletos com as famosas letrinhas dos impostos IPVA, para quem tem carro, e IPTU para donos ou quem aluga imóveis chegam sem dó no início do ano. Difícil escapar. Na hora de pagar qual a melhor opção: à vista ou parcelado. Essa decisão depende de alguns fatores. O primeiro deles é: se tem o dinheiro para quitar os impostos em parcela única, faça isso. Vale para quem se planejou e fez a reserva para a tradicional despesa.

Descontos em parcela única
Em geral, as prefeituras dão descontos no pagamento do IPTU em parcela únicas, que variam e chegam em até 10% como é o caso do Recife, que oferece também 5% de desconto no parcelamento pago em dia. Em Olinda e Jaboatão, o desconto para pagamento à vista é bem maior, chega a 30% para quem está em dia com o pagamento do imposto. O IPVA também segue o mesmo princípio de descontos à vista e parcelado. Como tem menor número de parcelas, já é vantagem se o desconto superar 0,5%.

 
Vale mexer na aplicação?
Sacar o dinheiro da poupança, que rende 0,4% ao mês e não cobra taxa de resgate, pode ser uma boa opção. Isso se o desconto for superior a 1,5%, dizem os especialistas. Em caso de outros investimentos, é bom avaliar se vale a pena antecipar o resgate e pagar uma alíquota maior de Imposto de Renda, que varia de acordo com a aplicação e o tempo em que o dinheiro fica aplicado.

Continua após Publicidade

 

Devo fazer um empréstimo?
Também não é o caso de fazer um empréstimo bancário para tentar ganhar alguma vantagem com o desconto se as taxas de juros não forem menores que o cobrado por estados e prefeituras. Os bancos oferecem crédito para esse fim, mas analise se sai mais barato parcelar ou encarar os juros do financiamento. Você ainda corre o risco de ficar inadimplente se não puder pagar.

 

Enfrente o parcelamento
Caso não tenha se preparado para o pagamento à vista do IPTU e do IPVA organize suas finanças para os próximos meses. No caso do IPTU, as parcelas mensais são fixas. Já o IPVA tem um valor maior no primeiro mês por conta do pagamento do seguro DPVAT e das multas, no caso do estado de Pernambuco, por exemplo. Então, separado o dinheiro da primeira parcela, que está quase chegando, faça uma previsão de pagamento no seu orçamento mensal para fazer frente à essas despesas. Não deixe atrasar, você corre o risco de além de pagar taxa de juros e perder descontos, ter o carro apreendido se não quitar o IPVA no período.

 

Sem reservas
Mesmo sabendo que essas despesas acontecem todo ano no mesmo período, a maioria dos brasileiros não se preocupa em reservar dinheiro para fazer esses pagamentos. Somente 15% das pessoas admitiram ter condições de pagar essas despesas sazonais, além de material escolar, com rendimentos próprios. Esse dado foi revelado em pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas sobre a organização do orçamento para 2018. O levantamento mostra ainda que 17% não fizeram nenhum tipo de planejamento para essas despesas. A maioria mesmo deixa parte do décimo terceiro salário para cobrir esses gastos.

 

Começe a se planejar
Se não deu para se organizar em 2018 não repita essa receita no próximo ano. Comece desde já se planejando. Você sempre pode contar com o décimo terceiro, é claro. Mas pode ser mais interessante ir guardando um pouco todo mês para entrar no próximo ano com menos preocupações em relação à essas despesas. Lógico, se não tem dinheiro sobrando para isso, invista em reorganizar seu orçamento. Sempre tem uma gordurinha para cortar. Também é importante eleger prioridades. E despesas do início do ano pode ser uma delas.

 

Leia mais sobre orçamento doméstico no post

Compartilhar! Facebook LinkedIn Google+ Twitter

Deixe seu comentário O que você achou?

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algum conteúdo impróprio, denuncie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continua após Publicidade