Compre do pequeno negócio e faça o dinheiro circular neste Natal

por Rosa Falcão

Que tal fazer o dinheiro circular de forma diferente neste Natal? Sabe como? Prestigie os pequenos negócios. Muita gente que perdeu o emprego este ano arregaçou as mangas para empreender. São pessoas que têm habilidades na cozinha e colocaram a mão na massa para fazer bolos, tortas, brownie, brigadeiro gourmet. Ou a vizinha do lado que vende produtos de beleza por catálogo. A artesã que borda, faz crochê, pinta e produz bijuterias. Aposto que não faltará opção de presentes e lembrancinhas que podem ser garimpados de forma sustentável.

Diferencial é importante
Uma dica para as pessoas que têm habilidades é se aperfeiçoar. Afinal, quem faz o que gosta com prazer tem mais chances de sucesso. Outro detalhe: é importante saber lidar com o dinheiro para estimar os custos e não confundir a renda com o lucro. Buscar um diferencial e colocar o preço justo é fundamental. Para incentivar os novos empreendedores o Sebrae criou o Movimento Compre do Pequeno Negócio. Procure se informar melhor sobre a iniciativa.

Continua após Publicidade

Explore as mídias sociais
As mídias sociais têm sido aliadas dos empreendedores. Transformam-se em vitrines para os pequenos negócios. É o trabalho de formiguinha que se espalha rapidamente e de forma eficaz. Um exemplo são os grupos que se formam no WhatsApp, disseminando informação. Impressionante como o aplicativo se expandiu solidariamente entre as pessoas. É só postar uma foto e o telefone de contato para fechar o negócio. O mesmo pode ser feito pelo Instagram e pelo Facebook.

Grana extra à vista
Portanto, se você tem talento e quer ganhar uma grana extra no final do ano, chegou a hora de empreender. Basta articular o seu círculo de amigos e cair em campo para se colocar à mostra. Vale tudo: WhatsApp, Facebook, Instagram e o eficiente boca a boca com amigos, colegas de academia, familiares e vizinhos de condomínio. Enfim, não perca tempo porque o Natal se aproxima.

Natal solidário e inclusivo
Lembre-se que prestigiar os pequenos negócios é fazer o dinheiro circular de forma mais equilibrada, chegando às mãos dos pequenos empreendedores. Assim podemos proporcionar uma festa de Natal solidária e inclusiva. Se você gostou da ideia, compartilhe com os seus amigos. Antes, dê uma espiada na nossa galeria de imagens com produtos enviados pelos nossos leitores.

Compartilhar! Facebook LinkedIn Google+ Twitter

Deixe seu comentário O que você achou?

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algum conteúdo impróprio, denuncie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continua após Publicidade